Baltashow Notícias

Jovem assassinado em Gurupi estava com namorada e bebê dentro de carro, diz polícia

Tocantins

Jovem assassinado em Gurupi estava com namorada e bebê dentro de carro, diz polícia

Polícia suspeita que homicídio esteja relacionado com briga entre facções. Homens que atiraram bateram em viatura da PM durante fuga.

José Guilherme foi morto enquanto dirigia carro em Gurupi (Foto: Divulgação)

 

O jovem José Guilherme Ezidio Araújo, de 21 anos, assassinado enquanto dirigia em Gurupi, nesta segunda-feira (12) estava com a namorada e um bebê dentro do veículo, segundo a Polícia Civil. Eles não ficaram feridos. Os suspeitos do homicídio fugiram após o crime e bateram numa viatura da Polícia Militar. Um deles se feriu e foi capturado pelos policiais. Os outros dois conseguiram escapar. A PM acredita que o homicídio tenha sido motivado por briga entre facções.

José Guilherme foi morto com dois tiros, um na cabeça e outro na axila. Testemunhas contaram à polícia que viram o jovem sendo seguido por outro carro. Depois de ser atingido, ele perdeu o controle da direção, o carro subiu na calçada e só parou depois de bater em um canteiro. Ele morreu no local.

Segundo a Polícia Civil, no momento, ele levava a namorada para casa, uma babá de 18 anos, que no momento dos tiros, conseguiu proteger o bebê que estava no seu colo.

Após os disparos, os suspeitos fugiram e num cruzamento do bairro Waldir Lins bateram na lateral de um carro da PM, que fazia policiamento na região.

 
Batida foi durante fuga de suspeitos de matarem um homem (Foto: Déboca Ciani/TV Anhanguera)Batida foi durante fuga de suspeitos de matarem um homem (Foto: Déboca Ciani/TV Anhanguera)

Batida foi durante fuga de suspeitos de matarem um homem (Foto: Déboca Ciani/TV Anhanguera)

O impacto foi tão forte que a viatura foi lançada para fora da rua e, desgovernada, invadiu uma serralheria, destruindo paredes e o portal. O dono contou que tinha fechado o estabelecimento cinco minutos antes do acidente.

Dentro do carro dos suspeitos tinha um revólver e uma pistola 380. Mesmo feridos os suspeitos conseguiram sair do carro. Só o motorista ficou caído perto do local. Leonardo Rodrigues da Silva de 19 anos, conhecido como Ratinho, quebrou uma das pernas, foi socorrido e levado para um hospital da cidade.

Os militares que estavam na viatura não se machucaram. Eles disseram que não conseguiram capturar os outros suspeitos porque tiveram dificuldades para sair do veículo, por causa das portas que ficaram danificadas pelo acidente.

G1

ENVIE NOTÍCIAS PARA O EMAIL
redacao.baltashow@gmail.com
whatsapp Baltashow 63.84688254

Deixe seu comentário aqui:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da Baltashow Notícias e são de total responsabilidade de seus autores.