Baltashow Notícias

Mais de 1,2 milhão de baianos enviaram a declaração do Imposto de Renda no prazo, aponta Receita Federal

Mais noticias

Mais de 1,2 milhão de baianos enviaram a declaração do Imposto de Renda no prazo, aponta Receita Federal

Quem perdeu o prazo deve baixar programa do IR e fazer o envio da declaração.

Por G1 BA

01/07/2020 21h33  Atualizado há uma hora

Mais de 1,2 milhão de baianos enviaram a declaração do Imposto de Renda — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Mais de 1,2 milhão de baianos enviaram a declaração do Imposto de Renda — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

 

Mais de 1,2 milhão baianos enviaram a declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2020 no prazo, que terminou na terça-feira (30). De acordo com a Receita Federal, o banco de dados do órgão tem 1.273.444 declarações da Bahia.

Em todo o Brasil, segundo a Receita Federal, 31.980.151 milhões de declarações foram enviadas. O número ficou um pouco abaixo da expectativa, que era de 32 milhões.

 

Quem era obrigado a declarar?

 

Deveria declarar o IR neste ano quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019. O valor é o mesmo da declaração do IR do ano passado.

Também deveriam ter declarado:

 

  • Contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;
  • Quem obteve, em qualquer mês de 2019, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Quem teve, em 2019, receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50 em atividade rural;
  • Quem tinha, até 31 de dezembro de 2019, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil;
  • Quem passou à condição de residente no Brasil em qualquer mês do ano passado e nessa condição encontrava-se em 31 de dezembro de 2019;
  • Quem optou pela isenção do imposto incidente em valor obtido na venda de imóveis residenciais cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no país, no prazo de 180 dias, contado da celebração do contrato de venda.

 

 

O que fazer para regularizar a situação?

 

Quem perdeu o prazo para envio terá que baixar o programa da Receita Federal e mandar a declaração do Imposto de Renda.

Assim que emitir a declaração, o contribuinte receberá a "notificação de lançamento de multa" e a Darf da multa. O contribuinte terá 30 dias para efetuar o pagamento e regularizar sua situação.

 

Como a multa é calculada?

 

A multa para quem faz a declaração fora do prazo é de no mínimo R$ 165,74, mas pode chegar a 20% do imposto devido.

Quem não tem imposto a pagar terá R$ 165,74 descontados da eventual restituição a que teria direito. Já aqueles que terão que pagar o imposto de renda, a multa é de 1% ao mês sobre o valor do imposto devido, começando a contar a partir de maio. O valor máximo é de 20% do imposto a pagar.

 

O que acontece com quem não faz a declaração?

 

Além do prejuízo financeiro com a multa, o contribuinte fica com o CPF “sujo”, o que pode lhe impedir de empréstimos, tirar passaportes, obter certidão negativa para venda ou aluguel de imóvel e até prestar concurso público até a regularização da situação.

 

Quem enviou a declaração com erro e quer retificar paga multa?

 

Não. A declaração retificadora não está sujeita à multa por atraso na entrega.

  • BAHIA
  •  
  • RECEITA FEDERAL

    G1

    ENVIE NOTÍCIAS PARA O EMAIL
    centralbaltashow@gmail.com
    whatsapp Baltashow 63.984688254
     
    A imagem pode conter: Renato Baltashow Colinas, texto

Deixe seu comentário aqui:

Os comentários publicados aqui não representam a opinião da Baltashow Notícias e são de total responsabilidade de seus autores.